Para aquelas que pretendem montar seu próprio aquário segue abaixo um resumo de como fazer aquário: dicas.

A primeira dúvida que surge é se é vantajoso comprar um aquário pronto ou montá-lo.

Financeiramente a economia pode chegar a 50% do valor, mas qualquer erro na montagem pode fazer com que essa economia “vá por água a baixo”.

Entretanto é muito satisfatório construir e decorar seu próprio aquário.

O primeiro passo é fazer o projeto. Todas as medidas devem ser calculadas principalmente a espessura do vidro que será usado.

Para os aquários de padrão retangular será necessário utilizar cinco pedaços de vidros, que deverão ser cortados de acordo com as medidas do projeto. Por questões de segurança compre os vidros já cortados na medida certa.

Para colar os vidros utilize os silicones que contenham a indicação para aquários no rótulo, pois alguns não são recomendados.

Há uma preferência em começar a montar o aquário pelo vidro do fundo (que será o chão do aquário) e ele deverá ter a mesma largura dos vidros laterais, mas com comprimento menor, pois deverá ser descontado a espessura dos vidros (se o vidro for de 5 milímetros o comprimento do vidro do fundo será 1 centímetro menor que o comprimento dos vidros da parte da frente e da parte de traz do aquário).

A altura dos vidros da parte da frente e de traz será a mesma altura dos vidros laterais.

Já o comprimento dos vidros laterais corresponderá a da largura do vidro do fundo do aquário (o vidro do fundo é o chão do aquário).

 

 

Para entender melhor segue o exemplo de um aquário de 50cm de comprimento por 25cm de largura e 30cm de altura:

vidros de 0,5cm (5 milímetros)

2 vidros de 50cm x 30cm,

2 vidros de 30cm x 25cm,

1 vidro de 49cm x 25cm.

Faça diversos cálculos antes de comprar os vidros para certificar que as medidas irão se encaixar.

Lembre-se de que você estará manuseando um material cortante, por isso utilize os equipamentos de proteção adequados.