Os rios e represas que banham nosso país são considerados uma verdadeira riqueza natural que atraem pescadores esportivos do mundo todo. O principal objetivo do pescador esportivo é buscar grandes peixes, grandes brigas e muita emoção em fisgar um belo exemplar. O Dourado é um dos peixes que desperta a atenção de todo pescador, por isso, confira a seguir, algumas informações sobre iscas para douradopescaria.

O Dourado é um peixe extremamente agressivo e de hábito carnívoro que pode atingir até um metro de cumprimento em seu habitat natural.

Como o próprio nome diz, o dourado possui uma coloração amarelada e brilhante com uma listra negra avermelhada na cauda.

Ao perceber a presença de algum peixe ou de uma isca, o dourado inicia a sua perseguição até conseguir a captura, quando ao final dá o golpe certeiro.

Além de possuir bastante força sob a água, o Dourado realiza diversos saltos com o intuito de escapar do anzol ou da garatéia, proporcionando grandes emoções aos pescadores.

O Dourado costuma habitar rios com bastante correnteza e de água limpa e podem ser pescados tanto no meio do rio quando às margens, próximos das galhadas ou vegetações.

Por ser um peixe bastante agressivo o Dourado costuma a atacar uma grande variedade de iscas. Algumas iscas chegam a quebrar durante a briga do Dourado.

 

 

As iscas artificiais podem ser variadas: de superfície, meia água, fundo, colheres, jigs e spiners.

Já as iscas naturais mais utilizadas são: tuvira, lambari, piau, e algumas outras espécies típicas dos rios onde se encontra os Dourados.

Uma dica muito importante é encastoar ou encastroar o anzol ou isca artificial, pois os Dourados cortam a linha com uma grande facilidade devido aos seus dentes super afiados.

Confira algumas imagens: